Segunda-feira, 10 de Janeiro de 2005

Uma ilha

Almourol.gif

"Uma fração"



Se o sol fosses tu, não teria frio
Apenas te digo que estas sempre onde apareço
Como deveria estar o sol
E quando estou já o sol se foi
Hoje apetece-me falar com ninguém
Tem tudo a ver com isso
Ainda que não tenha
Para mim terá sempre pois a minha situação sou eu, é a minha pessoa é a minha identidade
Tudo que vês e sentes por aqui, pode ser ilusório da real situação
Ainda que para alguém atento e com a informação que tens, é tudo claro
Momentos
Fracções
Pedaços
Nunca vês o todo
Vês peças de um complexo puzzle
E não é demais!
Sabes a obra do Santana Lopes!?
É idêntica
Vem sempre um Sampaio ou um ecologista que pára o túnel
Andei todo dia a pensar que adorava ter uma ilha daquelas
Só minha
Fazia lá uma república
Um pais onde só iam pessoas especiais como tu
Adoro os cactos a beira da estrada
Apaixona mesmo este local




publicado por bamos às 05:45
link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De Margarida a 11 de Janeiro de 2005 às 03:30
Tenho q confessar q li e reli o q escreveu, é simplesmente lindo. O texto trasmitiu-me uma paz imensa e com ele andei a divagar pelos meus proprios sonhos... tb ás vezes me apretece falar com ninguem, e tb eu queria ter uma ilha daquelas só pra mim, lá iria ser o meu refugio, onde poderia levar quem amo. Adorei. Beijinhos grandes ahhhh e muito obrigada pelo seu comment no meu cantinho.


De ferrus a 10 de Janeiro de 2005 às 23:40
Adoro esse castelo...Já lá fui algumas vezes...É lindo!
Que se mantenham as muralhas da serenidade e da paz de espírito atentas a qualquer tentativa de invasão de pensamentos/acontecimentos menos bons. Consegues arrancar-me um sorriso ao ler-te....Obrigado!
Um grande abraço, João!


De Carla a 10 de Janeiro de 2005 às 20:47
E eu adoro passar na estrada e ver papoilas soltas a darem cor aos campos :) O que escreves encerra uma ternura para com o mundo que me deixa deliciada, João. Gosto muito de ti :)


De Ocean a 10 de Janeiro de 2005 às 18:39
Bonito poema, é fácil perceber que escreves com emoção!


De Bamos a 10 de Janeiro de 2005 às 17:17
Com alegria senti que as palavras continuam a ser o teu alimento!
Engraçado ler os comentarios dos teus "fans" que escrevem sobre o que não sabem!
Um beijo


De Marga a 10 de Janeiro de 2005 às 14:02
O Castelo de Almourol e o espaço envolvente, são uma das pequenas grandes maravilhas que o nosso País nos oferece e onde a nossa capacidade de sonhar não tem limites.O texto...está lindo, como todos aqueles a que já nos habituaste e amei :-)))Beijokas João


De Lena a 10 de Janeiro de 2005 às 11:39
Lindo. Embora lá tenha estado este sabado ja tenho saudades de toda akela beleza. Muito obrigado pelos lindissimos ficheiros. Jokas


De Eliwitch a 10 de Janeiro de 2005 às 09:11
Lindo o poema, carregado de beleza, conseguiste-me fazer sorrir...
Um beijo


De sara a 10 de Janeiro de 2005 às 08:39
Lindo. Gostei, muito serena a tua escrita. Beijo


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Numa boa amiga silenciosa...

. Onde se inventa e de cert...

. Em beijos de luz a zul

. ...

.

Take...

.

Paix...

.

Enqu...

.

dois...

.

Palm...

.

Prim...

.arquivos

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005


blogs SAPO

.subscrever feeds