Domingo, 17 de Abril de 2005

É Mais uma e apenas a minha







"Não liguem, vão comprar o jornal e nem cumprimentem o vizinho"




Há tanta gente a dizer, escrever, dar opinião, que anda tudo meio até sem saber qual é a sua própria verdade e essa no fundo é a que conta
No fundo o que atrai em ti em mim e nas pessoas
É quando falam delas... próprias.
Ou na sua verdade, respeitando a dos outros
Detesto artigos de opinião e comentadores da bota a baixo como se vê nos meios de comunicação social
Falar mal de algo ou alguém... apenas porque é um modo fácil de se ganhar a vida
E hoje isso é epidémico
E contagioso
Não ligo nada a opiniões assim ainda mais se forem pagas
Mas elas propagam-se por outros meios
E adquirem voz em quem as lê ouve ou vê
E mais tarde ou mais cedo levamos com a opinião não fundamentada mas muito firmemente defendida de quem leu e até se identificou com a fantasia
Leva a que andemos todos a achar que está tudo doido
E nós que sabemos tudo
Publicidade é uma área bonita
E promove a criatividade coisa que faz muita falta
Adoro a fantasia,
Loucura e quereres individuais de quem quer que seja





publicado por bamos às 04:18
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De maria carocha a 19 de Abril de 2005 às 13:09
lol! Achei muita piada ao seu artigo, e em certa medida concordo plenamente. Mas quando voçê dá a sua opinião sobre quem dá opinião, já está a dar uma opinião. Então em que ficamos? Já sei a sua é gratuita e individual? É essa a diferença. Eu por mim gosto de opinar sobre o mundo em geral, ainda que não a verbalize. Realmente não me rala lá muito as opiniões sobre mim própria!


De Margarida a 19 de Abril de 2005 às 00:34
Faço minhas as tuas palavras relativamente a este texto, da 1ª à última letra sem tirar nem pôr! E disse tudo! Um beijinho meu!


De Lina a 18 de Abril de 2005 às 10:24
Olhe sff, queria uma Nova Gente, a Turbo e a Máxima, embrulhe tudo e traga cá a casa ;), a seita do radar deve ter jps e como tal não será dificil cá chegar..., Obrigada!
Beijo


De Bastet a 18 de Abril de 2005 às 02:49
Pois é....mas ainda existem akeles casos em ke nao se fala de nos..nem a idade se xega a saber e solta se umas boas gargalhadas qdo se pensa: mas eu nem sei de onde ele é??!!Enfim...nao generalizes...mas tens razao...toda...
No mundo da fantasia...aí realmente podemos ser kem kisermos...todos os dias uma personagem diferente...e é tao bom!!

Beijo joao


De Liliana a 18 de Abril de 2005 às 00:15
Olá João!!! So queria deixar aqui o meu intenso sorriso pelo fantástico mundo que me possibilitas visitar todos os dias!!! Obrigada melo teu carácter!!!! Obrigada pelo que transmites!!! Obrigada por existires!!! Muitos beijinhos, Liliana.


De ferrus a 17 de Abril de 2005 às 23:05
Há que saber o que se quer e ter acreditar no que se sente ou se pensa. É seguro que a falta de convicção, ou cultura, ou maturidade intelectual nos leva a seguir as pesadas dos outros. É também certo que se consegue deixar de ter um querer próprio e abdicar do que se sente ou pretende para seguir opiniões alheias. Todas as convicçõesou opiniões fortes, seguras, sinceras... são imbatíveis, até mesmo pelas adversidades alheias! Este assunto tem pano para mangas :-))) Um grande abraço, João!!!!


De Humberto a 17 de Abril de 2005 às 22:44
Raro é que emite uma opinião tente assumir um papel imparcial seja em qual fôr o assunto focado. É perfeitamente natural e saudável que hajam opiniões divergentes e posições antagónicas sobre determinado evento, pois a crítica sempre foi um estandarte da democracia. O que fere é que, ao invés de quem divulga intentar em apontar o dedo construtivamente, nada mais tenta do que desfazer naquilo em que alguêm dentro da sua razão, pensa que é certo. Infelizmente ao longo da história sempre foi mais fácil destruir civilizações do que erguê-las. Felicidades para o Bamos.(Dominio dos Anjos.Blogsapo)


De tanya a 17 de Abril de 2005 às 22:18
Quero apenas mandar-te uma beijo e dizer-te que a tua lua não te esqueceu... :) Beijo beijo


De Aran_aran a 17 de Abril de 2005 às 22:11
Xiiii... tantas!!!! heheheh!!!! E eu que não leio nada disso!!! Mas adoro fantasias e criatividade sempre!!! :) beijinhos


De eu33 a 17 de Abril de 2005 às 21:45
"Não julgues se não queres ser julgado", é assim que reza um sábio ditado, e tão bem se aplica a este texto que aqui colocaste. As revistas, jornais, semanários e outros, cada vez mais e de uma forma absurda vendem as capas, deixando o leitor sedento de vidas e mortes, quase como uma arena romana. Quando entrámos lá dentro tudo o que sobressai numa leitura mais atenta são palavras e ditos sem contexto e na maior parte das vezes absolutas contradições ao que foi apregoado. Mas já ninguém se importa. Cada vez a tua verdade a ti pertence, e a minha a mim própria.E quem lá está adora que falem, mal ou bem, mas que falem. Fica bem,


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Numa boa amiga silenciosa...

. Onde se inventa e de cert...

. Em beijos de luz a zul

. ...

.

Take...

.

Paix...

.

Enqu...

.

dois...

.

Palm...

.

Prim...

.arquivos

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005


blogs SAPO

.subscrever feeds